sábado, 13 de fevereiro de 2010

do sonhar I

há sonhos que já nascem ocos. costumam voltar. sem tempo certo, mas sempre voltam. algumas vezes, tem a forma de sussurros confusos, deixando a impressão de que somos arremedos de gente. noutras, recontam estórias que deveriam ter sido enterradas - é quando trazem o medo às nossas pálpebras. é quando nos fazem despertar.
.
à dani carrara

3 comentários:

dani carrara disse...

obrigada,
suas palavras são lúcidas e carinhosas. me faz sentir clara.
um beijo

dani carrara disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
dani carrara disse...

...uma ideia de luz
diluída
nos olhares que inventamos
qdo refletimos alguém
(porque desaprendemos a olhar)
mergulhados que estamos nesta vida.

tem um presente pra vc lá no blog.

um bjo
e bom dia.